HISTÓRIA E MISSÃO

O Projeto de E-learning da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), iniciou-se em Setembro de 2010, sob a alçada da Pró-Reitoria para Inovação e Gestão da Informação. Este Projeto visa a implementação das novas tecnologias nas práticas educativas dos docentes da Universidade, num formato de complemento ao presencial e de blended-learning (b-learning) em unidades curriculares de cursos de 1º, 2º e 3º ciclos, em cursos não conducentes a grau, e ainda em cursos de formação a distância.

Carateriza-se por possuir um leque reduzido de recursos humanos e materiais, baseando-se numa abordagem midle-out.

A abordagem adotada se caracteriza-se por dois aspetos principais:
a) supervisão pedagógica realizada por uma equipa de dois consultores com formação específica na área das Ciências da Educação e com conhecimentos na pedagogia do e-learning;
b) criação de professores pivôs, voluntários no projeto, em cada subunidade da UTAD.
Os docentes envolvidos desenvolvem atividades em pelo menos uma unidade curricular por semestre, chegando alguns a abranger maior número de disciplinas. As atividades são diversas, com recurso a diferentes tecnologias e ferramentas.
Sendo o Moodle a plataforma pedagógica institucional, é aquela que, por definição, mais é adotada.

CONSULTORIA PEDAGÓGICA

A Equipa de E-learning da UTAD oferece serviço de consultoria pedagógica. Para isso, dispõe da colaboração de três especialistas em Educação, com formação em Ciências da Educação, especializados em Novas Tecnologias da Comunicação.
A consultoria pedagógica é um serviço que visa apoiar os docentes na procura por ferramentas adequadas às atividades pedagógicas que pretendem desenvolver, na conceção e planificação destas mesmas atividades e na elaboração de planos e instrumentos de avaliação, com vista à prossecução dos objetivos pedagógicos desejados.
Sendo o Moodle a ferramenta pedagógica institucional, muitas das actividades desenvolvidas socorrem-se das funcionalidades oferecidas por esta plataforma. No entanto, outras ferramentas são utilizadas, desde Wikis, plataformas e ferramentas de trabalho colaborativo como Wiggio, Zoho e GoogleDocs.
Os recursos disponibilizados na Web constituem muitas vezes ferramentas de trabalho, como o caso das visitas virtuais.
Procura-se a reutilização de materiais pedagógicos, ainda que se faça por vezes produção de outros, originais, que poderá consultar em e-conteúdos​.
 

EQUIPA

José Mourão

PRÓ-REITOR

Jorge Borges

COORDENADOR

Paulo Martins

CONSULTOR

Carlos Vaz

INFORMÁTICA E DESENVOLVIMENTO

 

Fernando Rodrigues

INFORMÁTICA E DESENVOLVIMENTO

Daniela Pedrosa

DIDÁTICO-PEDAGÓGICA

Gonçalo Matos

DIDÁTICO-PEDAGÓGICA

Margarida Maia

DIDÁTICO-PEDAGÓGICA

 

Jorge Carvalho

DIDÁTICO-PEDAGÓGICA